Diário de bordo

Sobre o intercâmbio

Toda pessoa sonha em conhecer algum lugar no mundo que não está dentro das fronteiras do seu país. Desta forma, nós estudantes, também sonhamos em conhecer, fazer parte e, porque não, estudar fora. No contexto que estamos atualmente, nunca foi tão fácil ser intercambista; me parece que todas as fronteiras deixaram de existir para aqueles que, como eu, querem falar um idioma diferente fora dos cursinhos de línguas.

Hoje nós temos uma infinidade de programas, pagos ou não pelos alunos, que nos dão a oportunidade de ver como é a vida cotidiana em outro país. E essa oportunidade nos torna pessoas diferentes, que trarão suas vivências para a escola, faculdade, trabalho, vida familiar. Eu, como muitos outros universitários, estou embarcando em fevereiro em um programa de intercâmbio para o Chile. O resultado é: o intercâmbio já me afetou desde o dia da divulgação dos selecionados para o programa (kkk).

A verdade é que ir morar só em outro país é uma ideia sedutora e assustadora ao mesmo tempo. O medo de não se encaixar, a certeza de conhecer muita gente nova, a certeza maior ainda de que o bicho vai pegar se você não é o melhor cozinheiro do mundo…e por aí vai. Contudo, nós insistimos em ir, porque quem tem medo não sai do lugar, não é minha gente? Ouvi dizer uma vez que as boas oportunidades são como cavalos selados que passam galopando em nossa frente junto com outros não selados: nós temos que correr e montar, pois uma vez que passam, podem não acontecer outra vez em nossas vidas. O medo só atrapalha, mas se nós soubermos fazer proveito dele, sairemos mais fortes de cada episódio que passamos.

Eu resolvi aceitar esse desafio, maior que qualquer prova de vestibular, faculdade ou concurso público. É por isso que eu estou aqui, fazendo meu primeiro comentário no meu diário de bordo (ainda no Brasil) sobre minhas impressões sobre o intercâmbio. Nos 7 meses de preparação que já tive, já aprendi muito só de estar me sentindo intercambista e sei que muitos outros estudantes podem estar passando pela mesma situação. Por isso convido vocês a aprendermos juntos nessa viagem pelo mundo.

Anúncios
2 Comentários

2 pensamentos sobre “Diário de bordo

  1. Boa viagem ou melhor boas viagens, boas aprendizagens,bons momentos, boas companhias, boas risadas, bons dias e boas noites… Que o novo se faça presente em sua vida de uma forma especial, assim como você é. E que teu espírito aventureiro e desbravador espante qualquer solidão, lembre-se o caminho é mais importante que a chegada.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s